Como cozinhar Arroz integral
3 Fevereiro, 2016
Ir para a receita

Cozinhar arroz integral pode parecer mais complicado quando comparado com o arroz normal.

Sim , o arroz demora mais tempo a cozinhar e muitas vezes o resultado pode não ser o desejado,

  • Ou fica rijo
  • Ou fica em papa (desfeito)

Se é daquelas pessoas que sente dificuldade em cozinhar arroz integral e já desistiu de tentar, então este é o post ideal.

pano com taça de madeira e arroz integral cozido

Qual a diferença entre o arroz integral e o arroz branco?

Tal como o nome indica “integral” é um alimento inteiro que passou por pouco processamento.

O arroz branco, passa por um processo onde é retirada a casca (polimento). O que sobra (endosperma) é o amido. Como não tem casca ele apresenta a sua cor esbranquiçada e fica mais macio. O processo de cozedura é mais rápido.

O arroz integral, passa por um processo onde é retirada a casca, mas o farelo é mantido (sem polimento). Normalmente apresenta uma cor mais amarelada, é mais rijo e o tempo de cozedura maior. 

2 colheres de madeira com arroz cru e arroz integral cozido

É importante demolhar o arroz integral?

Como vimos acima, o arroz integral mantém o seu farelo (fibra). 

Ao demolhar os grãos de arroz vamos conseguir:

  • Reduzir o tempo de cozedura dos grãos (pois torna a fibra mais mole)
  • Uma melhor absorção e digestão de todos os nutrientes. Podes ler aqui sobre a importância de demolhar os alimentos.

Por isso sim, é importante demolhar os grãos antes de cozinhar. 

Como demolhar:

  1. Começar por lavar muito bem os grãos
  2. Colocar os grãos num recipiente e encher com o dobro da água.
  3. Deixar repousar por 6 horas ou durante a noite.
  4. Descartar a água da demolha, lavar os grãos
  5. Está pronto a cozinhar
taça de madeira com arroz integral cozido

Vantagens no consumo:

O arroz é dos cereais mais consumidos em todo o mundo, no entanto o arroz integral é bastante mais rico em nutrientes quando comparado com o arroz branco. O seu valor nutricional encontra-se sobretudo na casca (fibra).

Algumas características:

  • Não tem gluten
  • É de fácil digestão
  • Ajuda no funcionamento do intestino (pela presença da fibra)
  • É um hidrato de carbono de absorção lenta e que ajuda a prolongar a sensação de saciedade
  • Existem inúmeras variedades de arroz, podem ser preparadas de diversas formas, seja como prato principal, acompanhamento ou sobremesa
  • É rico em vitaminas do complexo B, vitamina E, cálcio, fósforo e magnésio

Algumas notas:

Tipo de arroz:

Tal como no arroz branco, existem inúmeras variedades de arroz integral. O que aconselho e que gosto mais é o integral redondo ou o basmati integral

Nota: o tempo de cozedura varia para cada tipo de arroz. 

Quantidade de água:

O racio de água para cozer o arroz integral é geralmente de 2:1, isto é, por cada 1 chávena de arroz precisamos de 2 chávenas de água para cozer, mas isto também pode variar de acordo com o tipo de arroz.

Onde cozinhar:

  • Na panela de pressão
  • No tacho

Para acompanhar o arroz integral, sugiro um prato base vegetariano: Arroz integral com feijão e couves. A combinação de todos os ingredientes forma a proteína completa neste prato. Costuma-se dizer: arroz + feijão = bife

prato com couves cozidas, arroz integral cozido e estufado de feijão e cenoura

Outras receitas básicas:

Imprimir Guardar no Pinterest
4.64 from 11 votes

Arroz integral (como cozinhar)

Passo a passo de como cozinhar arroz integral de forma simples, fácil e saborosa.
Autor: Made by Choices
Tempo cozedura30 mins
Demolhar6 hrs
Tempo total30 mins
Serve: 2 pessoas
Categoria de receita: acompanhamentos
Tipo de cozinha: apto a vegetarianos e veganos, Sem glúten, sem lactose, sem soja
Dificuldade – médio
Conservar – no frigorífico num tupperware de vidro com fecho hermético
Validade – 5 dias
Congelar –não congelar

Ingredientes:

Para cozinhar arroz integral

  • 1 chávena arroz integral (uso arroz integral redondo)*
  • 2 chávenas água
  • 4 dentes alho opcional
  • 2 folha de louro
  • sal

Receita de arroz integral com feijão e couves

  • arroz integral cozido
  • 1 cebola picada
  • 1 dente alho picado
  • 3 tomates maduros triturados
  • 2 cenouras pequenas cortadas em cubos
  • 400 grs feijão cozido usei vermelho
  • água q.b
  • água de cozer o feijão q.b
  • folhas couve cozidas a vapor – usei acelgas
  • pimenta preta
  • noz-moscada
  • pitada sal

Como fazer:

Antes de cozinhar o arroz integral

  • Lavar o arroz integral num coador de rede
  • Colocar o arroz num recipiente de vidro e cobrir com o dobro de água.
  • Deixar demolhar por 6 horas ou durante a noite.
  • Descartar a água da demolhar e lavar os grãos

Cozinhar o arroz integral (no tacho)

  • Num tacho juntar a água, os dentes de alho, as folhas de louro e o sal. Quando começar a ferver juntamos o arroz.
  • Tapar o tacho e deixar ferver em lume médio-baixo por cerca de 25 a 30 minutos (até a maioria da água ter evaporado). A meio do tempo mexer o arroz e rectificar a quantidade de água.
  • Nota: O tempo pode variar de acordo com o tipo de arroz integral. Existem algumas variedades de arroz que pode demorar até 40 minutos (mesmo quando demolhado).
  • Quando o arroz estiver cozido desligar o lume e deixar tapado por mais uns 10 minutos (para o restante da água evaporar).

Receita extra: arroz integral com feijão e couve

  • Num tacho ou frigideira juntar a cebola e refogar com um pouco de água.
  • Quando estiver translúcida, juntar o dente de alho picado e saltear por 1 minuto.
  • Juntar a cenoura cortada em cubos e deixar saltear por 1 a 2 minutos (mexendo para não colar).
  • Juntar os tomates triturados e mexer. Adicionar um pouco da água de cozer o feijão, tapar o tacho, reduzir um pouco o lume e deixar cozer por 5 minutos.
  • Passado esse tempo juntar o feijão já cozido, adicionar mais um pouco de água, os temperos e tapar o tacho. Deixar cozer por 10 minutos ou até a cenoura estar cozida.
  • Num prato juntar o arroz, o feijão e as couves. Polvilhar com sementes de sésamo.
  • Está pronto!

Video

Notas:

*O arroz integral redondo é dos mas rápidos para cozinhar (cerca de 20 minutos), o sabor é bastante agradável.
Ao longo da cozedura pode ser necessário adicionar mais água
 
Fizeste esta receita? Partilha comigo!Menciona @madebychoices na foto do instagram ou a tag #madebychoices

Até breve

Vânia

Vânia Ribeiro

Vânia Ribeiro

Criou o Made by Choices em 2015 com a missão de viver e inspirar para uma vida mais saudável. Autora dos livros As 5 Cores da Cozinha saudável e O Menu da Semana“.

15 Comentários

  1. Fernanda

    Boa noite pide me informar se podemos usar a agua de demolhar o arroz para cozedura do arroz
    Obrigada

    Responder
    • Vânia

      Olá Fernanda

      A água da demolha deve ser descartada e substituída por água nova.

      Vânia

      Responder
  2. Maria Manuela Coelho da Silva

    Obrigada pela dica5 stars

    Responder
  3. Amber Binder

    Olá!! Demolhado o arroz e depois fazer na Bimby..devo reduzir o tempo de cozedura.? Pela lógica penso que sim, mas agora fico na dúvida..ou então não demolhar e deixar na Bimby os tais 45min recomendados.. o que acha?
    Obrigada se responder.

    Responder
    • Vânia Ribeiro

      Olá, ao demolhar reduzimos sempre o tempo de cozedura. Se não for demolhado sim o tempo aumenta. Mas também depende do tipo de arroz que utiliza pois o tempo de cozedura não é igual para todos.

      Responder
  4. Catarina Bacelar

    Olá, Vânia!
    Obrigada pela partilha! 🙂
    O arroz basmati também deve ser demolhado?
    Obrigada!

    Responder
    • Vânia Ribeiro

      Olá Catarina,

      Se for integral sim. Sem ser integral não precisa. 🙂

      Responder
  5. Ana Freitas

    Muito bom mesmo, fíz com feijão verde e tmbm ficou bem.uma receita muito prática!

    Responder
    • Vânia Ribeiro

      Olá Ana,
      Feijão verde é delicioso mesmo.
      Beijinhos

      Responder
  6. Maria Costa

    Boa tarde. Em primeiro lugar gostava de lhe dar os parabéns pelo seu blogue que me tem ajudado muito a dar os primeiros passos em alguns alimentos que não costumava consumir.
    Comprei recentemente no Porto num supermercado Bio um arroz semi-integral e creio que posso fazer como descreve para o confecionar. A minha dúvida é como usar o arroz integral num prato como arroz de tomate. É uma questão de aumentar a parte de água e manter todo o resto? Quando a receita é de um “arroz malandrinho” podemos fazer na mesma com este arroz?
    Muito obrigado pela ajuda

    Responder
  7. Claudia Mendes

    Ola Vânia, que pertinente este post…Já tinha andado a pesquisar como cozinhar arroz integral. A minha filhota só gosta de arroz de manteiga, sem cebola e alho. E este parece-me muito bem, vou experimentar. No entanto tenho uma curiosidade, se tiver necessidade de cozinhar arroz em cima do acontecimento, ficará bom na mesma? Para além do que já referiste em cima (tempo de cozedura e a melhore absorção e digestão dos nutrientes. Obrigada. beijinhos

    Responder
    • Vânia Ribeiro

      Olá Cláudia,
      O ideal é sempre demolhar, mas também já me aconteceu querer cozer arroz e não ter tempo para deixar de molho, nessas altura o que faço é aquecer água (não deixo ferver) e coloco o arroz de molho por apenas 30 min, enquanto preparo outras coisas, esse tempo já vai permitir a redução do tempo de cozedura..
      Beijinhos

      Responder
      • Claudia Mendes

        Obrigada Vânia pela ajuda. beijinhos e bom fim de semana

        Responder
    • Filipa

      Olá Vânia! Comprei recentemente o livro menu semanal e fiquei com dúvida/curiosidade (que pode ser absurda tendo em conta que sou um pouco azelha na cozinha) em relação ao arroz… Onde compro arroz integral de grão redondo? Com esta denominação só encontrei no celeiro, mas não existe nenhuma marca conhecida de supermercado que comercialize? Beijinho e parabéns pelo teu trabalho ?

      Responder
      • Vânia

        Alem do celeiro e de outros supermercados biológicos, já começam a aparecer nos supermercados como o continente ou no el corte inglés na parte biológica.

        Obrigada

        Beijinhos
        Vânia

        Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Classificação da receita




produtos Made by Choices

Subscreve a Neswletter

Recebe gratuitamente o eBook “7 pequenos-almoços para a semana”

Categorias

Receitas Saudáveis

Na cozinha

Vegetariano 101

Sustentabilidade